Escola da família 2016 inscrição

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io Made with Flare More Info'> 0 Flares ×

Criado pelo Governo do Estado de São Paulo, o programa Escola da Família visa distribuir bolsas de estudo para os estudantes universitários. O projeto facilita a permanência dos jovens na faculdade através do oferecimento de atividades extracurriculares aos finais de semana em escolas públicas, sendo que ele está em vigor desde 2004.

Escola da família 2016 inscrição

Hoje em dia já existem muitas instituições que são parceiras do programa e antecipadamente já destinam parte das suas vagas para os alunos que fazem parte do projeto. A ideia é que o estudante desenvolva alguma atividade atrelada ao seu curso e repasse para as escolas públicas, através de aulas de idiomas, prática de esportes, desenho, artesanato, informática e reforço escolar.

Como fazer um curriculo
Carta de apresentação para emprego
Saiba tudo sobre o FIES

Além do objetivo principal do programa Escola da família, desenvolvê-lo também ajuda para que o aluno da universidade coloque em prática o seu aprendizado, podendo resultar em convocações para congressos e demais importantes projetos sociais, ou seja, quando o jovem se dispõe para a comunidade, muitas outras portas se abrem.

O programa bolsa universidade recebe uma espécie de contribuição deste outro projeto, pois mantem parceria com o governo do Estado de São Paulo e universidades particulares. A secretaria da Educação apoia com o valor de R$267,00 e o restante da mensalidade é bancada pela instituição conveniada.

Os critérios para a distribuição da bolsa de estudo Escola da família 2016 seguem os mesmos padrões dos anos anteriores. Para concorrer, você não pode participar de nenhum financiamento estudantil e deve estar devidamente matriculado em uma universidade conveniada com o projeto.

Durante o projeto, o estudante deve cumprir carga horária de 12h por final de semana e auxiliar os demais projetos na escola onde atuará. As inscrições podem ser feitas pelo site oficial do programa, basta fazer o cadastro e preencher com as informações corretas. Feito isso, você deve aguardar a aprovação da diretoria de ensino da determinada faculdade e assim o universitário ganha a bolsa.

Além disso, os universitários precisarão passar uma lista de documentos para a diretoria, para ver se existe enquadramento nos critérios de classificação. O número de vagas ainda não foi definido, mas universidades como já a Anhanguera, Universidade Bandeirantes, PUC-Campinas, UNIP e a São Judas Tadeu aderiram, basta acessar o site http://escoladafamilia.fde.sp.gov.br/default.asp e conferir.

Comentários

Comentários

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×