Itaucard sempre presente – Vale a pena contratar o Acelerador de Pontos?

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io Made with Flare More Info'> 0 Flares ×

No Itaucard sempre presente tem o Acelerador de Pontos, o usuário pode até dobrar os pontos para cada fatura que vier do seu cartão, em relação ao programa Itaucard Sempre Presente, desde que seja feito o pagamento adicional de 4% das compras mensais e também de seus adicionais.

Como funciona o Surpreenda MasterCard – dicas
Caixa cartões – Como tirar a fatura pela internet
Saiba tudo sobre contrato social para sua empresa
Quem tem conta-corrente no Itaú pode acessar o site do banco, informar a agência, conta e a senha para ter acesso à área exclusiva, depois é só clicar em “Cartão de Crédito” e ir em “Acelerador de Pontos” e acessar “Programa de Pontos”.

 

Para aqueles que não têm conta-corrente, deverá informar então o número do cartão também a senha, para acessar a área restrita. Depois deverá ir em “Cartão de Crédito”, acessar “Acelerador de Pontos” e finalmente em “Programa de Pontos”.

 

De acordo com o próprio Itaú, o “Acelerador de Pontos” ajuda o usuário a acumular pontos em dobro, por exemplo, se o cartão de um usuário está com 1 ponto por dólar, então este usuário passa a ganhar 2 pontos por dólar e assim por diante.

Mas é preciso ficar atento aos detalhes, ler atentamente o regulamento para saber se este programa é vantajoso para o seu perfil de usuário.

 

Uma das desvantagens do “Acelerador de Pontos” é o alto custo para quem desejar participar do programa, podendo chegar a 4% sobre os gastos do seu cartão  Itaucard sempre presente.

E é isto mesmo, você vai ter que pagar uma porcentagem que varia, de acordo com os gastos que vierem em sua fatura!

 

Quem já leu o regulamento do programa sabe que este percentual é variável, ou seja, não são todos os cartões que vão cobrar uma taxa de 4%, mas é certo que todos vão cobrar alguma taxa.

No site está disponível um simulador online, então é indispensável que se faça esta verificação antes de se filiar ao “Acelerador de Pontos”.

 

Para ficar mais claro, vamos a um exemplo:

Suponhamos que um usuário do cartão ItauCard Platinum tenha um gasto de R$ 2.257,70. Este valor equivale a uma certa quantia em dólares, então é preciso verificar a cotação do dia. Dependendo do valor, poderão ser gerados 1.300 pontos se a pessoa estiver cadastrada no programa “Sempre Presente”.

Com o “Acelerador de Pontos”, a pessoa passará a ter 2.600 pontos.

 

Só que tem um importante detalhe, que é a taxa, neste caso, de 4% e o resultado é este:

4% de R$ 2.257,70 dará um total de R$ 90,30.

Isto mesmo, o usuário terá que pagar uma taxa de R$ 90,30.

 

Agora, é a hora deste usuário fazer a seguinte conta:

será que para ele, compensa pagar R$ 90,30 para ter 1.300 milhas?

 

Mas o primeiro passo, é ler atentamente o Regulamento do “Acelerador de Pontos” que está disponível no endereço:

www.itau.com.br/_arquivosestaticos/Itau/PDF/para-voce/cartao-de-credito/precisa-de-ajuda/regulamento-acelerador-de-pontos.pdf

 

E não adianta ler com pressa, pois assim não resolverá nada. É preciso ler com muita atenção e ir anotando todas as dúvidas para depois esclarecê-las com um gerente em uma das agências do banco Itaú.

 

O fato do programa ser bom para uma pessoa, não significa que será para outra, pois tudo vai depender do perfil de cada um, então informe-se bem para no final ver e para você é compensador.

Comentários

Comentários

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×